Home » Notícias de Santa Vitória

Litoral gaúcho terá um dos maiores complexos eólicos da América Latina

setembro 15, 2012 Notícias de Santa Vitória No Comments

Fonte: Assessoria de Comunicação da Eletrobras Eletrosul
Fotos: Antonio Ferrari-OM

A Eletrobras Eletrosul e o Fundo de Investimentos em Participações (FIP) Rio Bravo assinaram, nesta sexta-feira (14), a ordem de serviço com a espanhola Gamesa – fabricante de aerogeradores – para a construção do Complexo Eólico Geribatu, em Santa Vitória do Palmar, no litoral sul do Rio Grande do Sul. Trata-se do maior empreendimento eólico da empresa e de um dos maiores da América Latina, com 258 megawatts (MW) de capacidade instalada ou o equivalente ao consumo de mais de 1,6 milhão de pessoas. Os 129 aerogeradores estarão divididos em dez parques. O investimento previsto é de aproximadamente R$ 1 bilhão.

De acordo com o diretor de Engenharia e Operação da Eletrobras Eletrosul, Ronaldo dos Santos Custódio, o início da implantação será imediato, com a mobilização do canteiro de obras para o começo dos trabalhos de campo, como abertura de acessos e construção de plataformas, a partir de outubro. Serão abertos e recuperados cerca de 70 quilômetros de estradas. “Estamos investindo em uma região nova do Brasil em termos de aproveitamento do potencial dos ventos e nos transformando em um dos maiores players de energia eólica do país”, afirmou o executivo.

Integra, ainda, o consórcio construtor a Schahin Engenharia S.A., que ficará responsável pela parte de construção civil, como as bases das torres eólicas, e a implantação da rede de média tensão. Serão 60 quilômetros de linhas subterrâneas, que transportarão a energia dos aerogeradores até uma subestação coletora. Os aerogeradores fornecidos pela Gamesa (modelo G97) têm 78 metros de altura (do solo até o eixo) e rotor com 97 metros de diâmetro. A ABB fornecerá os equipamentos do sistema de transmissão.

A expectativa é que sejam gerados cerca de três mil empregos diretos e indiretos durante as obras do Complexo Eólico Geribatu, o que terá reflexos positivos para a economia de Santa Vitória do Palmar e redondezas. Além da importância para o setor elétrico brasileiro, o empreendimento dará mais qualidade e segurança ao suprimento de energia da região, criando oportunidades de crescimento econômico.

O Complexo Geribatu é um dos quatro empreendimentos eólicos da carteira de investimentos da Eletrobras Eletrosul. Em junho, a empresa inaugurou o Complexo Eólico Cerro Chato, com 90 MW de capacidade, em Sant’Ana do Livramento (RS), na divisa com o Uruguai. Nas imediações, está construindo o Complexo Eólico Livramento, com 78 MW, que deverá entrar em operação no primeiro trimestre de 2013. O quarto empreendimento, com 144 MW, será implantado em Chuí, no extremo sul gaúcho. A expectativa é que as obras sejam iniciadas ainda este ano.

Esses investimentos, que somam 570 MW de potência, consolidam a Eletrobras Eletrosul como a maior estatal eólica do país. A decisão da empresa de investir nesse tipo de energia é resultado dos estudos e medições de vento realizados nos últimos anos, que apontaram o excelente potencial no extremo sul do Rio Grande do Sul.

Integração
Para escoar a energia dos complexos eólicos do litoral sul gaúcho, a Eletrobras Eletrosul, em parceria com a Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica do Rio Grande do Sul (CEEE-GT), irá construir cerca de 490 quilômetros de linhas de transmissão (525 kV), três novas subestações e ampliar uma unidade existente. A previsão é que as obras comecem no início de 2013. “Além da conexão dos parques eólicos, esse complexo de transmissão integrará a metade sul do Rio Grande do Sul ao Sistema Interligado Nacional (SIN), permitindo não só o aproveitamento do potencial eólico como também o melhor aproveitamento do potencial do setor produtivo da região”, ponderou Custódio.

Serão investidos aproximadamente R$ 700 milhões no sistema de transmissão que inclui as subestações Povo Novo (525/230 kV), Marmeleiro (525 kV) e Santa Vitória do Palmar (525/138 kV); as linhas de transmissão Nova Santa Rita-Povo Novo, Povo Novo-Marmeleiro e Marmeleiro-Santa Vitória do Palmar (todas em 525 kV); e o seccionamento da linha Camaquã 3-Quinta na subestação Povo Novo (230 kV). Os empreendimentos foram arrematados no leilão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) realizado em junho. O prazo para a conclusão das obras é de 24 meses, contados a partir de agosto, quando foi assinado o contrato de concessão, mas a expectativa é antecipar a entrega para o início de 2014 para compatibilizar com o prazo de entrada em operação dos parques eólicos.

Notícias Relacionadas:

Sessão Ordinária Câmara de vereadores do Chuí – 25-09-2017-19 h

setembro 25, 2017

Sessão Ordinária Câmara de vereadores do Chuí – 18-09-2017-19 h 2

setembro 18, 2017

INFORMATIVO IIIª CUR – CASSINO ULTRA RACE.

setembro 18, 2017

INFORMATIVO IIIª CUR – CASSINO ULTRA RACE.

). A CASSINO ULTRA RACE III EDIÇÃO/ OF, sendo a maior ultra maratona de praia do mundo 230 K a realizar-se dias 21 a 24 de Setembro de 2017, com largada da barra de Rio Grande as 15:30 Horas do dia 21/09/17 e chegada na barra do Chuí/ Santa Vitoria do Palmar/RS. O encerramento e… Continuar Lendoo

INFORMATIVO – 30 anos Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos Pedro Aricio de Souza

setembro 18, 2017

INFORMATIVO – 30 anos Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos Pedro Aricio de Souza

Sessão Ordinária Câmara de vereadores do Chuí – 18-09-2017-19 h

setembro 18, 2017

Confira AO VIVO

Chuí

Para melhor visualização, acesse a página de nossas Transmissões

Santa Vitória do Palmar

Para melhor visualização, acesse a página de nossas Transmissões

Enquete:

O que você achou do novo site?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Compras Coletivas

Você gostaria de um site de compras coletivas em Santa Vitória?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Calendário

setembro 2012
S T Q Q S S D
« ago   out »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930